Compense o IRF do “Come-Quotas”

Semestralmente, em maio e novembro, as empresas que mantenham aplicações financeiras em fundos de investimento (FIF), sofrem retenção do imposto de renda na fonte do saldo aplicado (sistema conhecido como “come-quotas”).

Para fins de recuperação do imposto, recomenda-se que as empresas tributadas pelo Lucro Presumido ou Lucro Real obtenham, junto às instituições financeiras, o extrato com os valores retidos das aplicações nestas datas, para compensar o imposto de renda com o devido.

No Lucro Real, pode ser deduzido o Imposto de Renda pago ou retido na fonte sobre as receitas que integraram a base de cálculo.

Na apuração da estimativa, a partir da receita bruta, as receitas de aplicações financeiras não são computadas na base de cálculo do imposto de renda a recolher no mês, portanto também não é possível a dedução do respectivo IRRF.

Em se tratando de apuração com base no balancete de suspensão ou redução as receitas de aplicações financeiras estão contempladas na determinação do lucro, portanto é possível a dedução do IRRF sobre essas receitas,

Para efeito de pagamento do IRPJ, a pessoa jurídica optante pelo Lucro Presumido poderá deduzir do imposto devido no período de apuração, o imposto pago ou retido na fonte sobre as receitas que integram a base de cálculo.

Veja também, no Guia Tributário Online:

Lucro Real – Recolhimento por Estimativa

Regime de Competência

Lucro Presumido – Cálculo do IRPJ

Uma  explanação prática e teórica sobre as diversas formas de recuperação tributária - sua contabilidade pode esconder uma mina de ouro - você precisa explorar estes recursos! Recuperação de Créditos Tributários 

Mais informações

Psiu! Sua contabilidade pode conter muito $$$!

ComprarClique para baixar uma amostra!

Boletim Tributário e Contábil 25.06.2019

Data desta edição: 25.06.2019

ATUALIZAÇÕES
Publicada Versão 5.1.2 da ECF
Divulgado Manual de Declaração de Criptoativos
EFD Contribuições: Publicada Versão 3.1.3 do Programa
GUIA TRIBUTÁRIO ONLINE
IPI – Procedimentos na Reorganização Societária
IRPF – Autônomos Estabelecidos em um Mesmo Local
Simples Nacional – Opção pelo Regime
GUIA CONTÁBIL ONLINE
Remuneração de Pró-Labore
Gastos com Confraternizações, Festas e Eventos Empresariais
Associações – Características
ARTIGOS E TEMAS
A Importância do Reconhecimento dos Efeitos Tributários nas Demonstrações Financeiras
Tributação de Serviços pelo ISS
NOVIDADES
Lei de Incentivos à Indústria Automotiva – Publicada Partes Vetadas
ENFOQUES
Milhares de Serviços Públicos Estão Disponíveis na Internet!
Não recebeu o boletim anterior? Reveja o Boletim Tributário e Contábil de 18.06.2019
PUBLICAÇÕES PROFISSIONAIS ATUALIZÁVEIS
Pare de pagar caro por boletins tributários! Conheça o Guia Tributário Online!
Manual de Obrigações Tributárias
Elaboração da DFC e DVA