Boletim Tributário e Contábil 14.02.2017

Data desta edição: 14.02.2017

AGENDA TRIBUTÁRIA
14/Fev – Entrega: EFD-Contribuições
15/Fev – Recolhimentos: IRF/Decendial, IOF, CIDE, Retenções PIS/COFINS (Autopeças) e INSS – Contribuinte Individual
15/Fev – Entrega: DCP – Demonstrativo do Crédito Presumido do IPI
20/Fev – Recolhimentos: IRF/Mensal, GPS, Simples Nacional, Retenções PIS, COFINS e CSLL, CPRB e RET/Incorporações
21/Fev – Entrega DCTF
GUIA TRIBUTÁRIO ONLINE
ICMS – Serviços de Transporte
COFINS – Receitas das Entidades Isentas ou Imunes
DIRF 2017
GUIA CONTÁBIL ONLINE
Aumento de Capital
Reparos, Conserto e Conservação do Ativo Imobilizado
Responsável pela Escrituração Contábil
ENFOQUES
DSPJ-Inativa Foi Extinta
Nota de Repúdio à Rede Globo de TV
Opção pela CPRB Deve Ser Feita até 20/Fev
BALANÇOS
Taxas de Câmbio – Elaboração de Balanço – Janeiro/2017
ARTIGOS E TEMAS
O Clamor do Empresário Contábil
Entidades Imunes ou Isentas do Imposto de Renda Devem Entregar a ECF
PUBLICAÇÕES PROFISSIONAIS ATUALIZÁVEIS
Gestão do SPED para Escritórios Contábeis – Lançamento!
Cálculos da Folha de Pagamento
Contabilidade de Custos

Receita Publica Passo-a-Passo para Adesão ao Parcelamento PRT

Com o intuito de facilitar a compreensão das regras do Programa de Regularização Tributária – PRT, foi publicado no sítio da Receita Federal do Brasil, na internet, documento contendo informações básicas ao contribuinte, bem como um passo a passo com o roteiro para a adesão.

A Instrução Normativa RFB 1.687/2017 regulamentou a adesão do contribuinte ao Programa de Regularização Tributária, cujo prazo vai de 1º de fevereiro até o dia 31 de maio de 2017.

Os débitos que poderão ser liquidados, as modalidades de liquidação dos débitos, a forma de apresentação de sua opção, a possibilidade de desistência de parcelamentos anteriores em curso, bem como a possibilidade de utilização de créditos tributários estão previstos na Instrução Normativa RFB 1.687/2017.

A opção pelo Programa ocorrerá exclusivamente no Ambiente Virtual (e-CAC), mediante requerimentos distintos para os débitos decorrentes das contribuições sociais e para os demais débitos administrados pela Secretaria da Receita Federal do Brasil.

Para os contribuintes que optarem pelo PRT, a emissão de certidão deverá ser requerida em uma Unidade de Atendimento da Receita Federal, onde deverão ser apresentados o recibo da adesão ao programa, um demonstrativo da consolidação dos débitos incluídos no Programa e os documentos utilizados na análise para liberação da certidão.

Fonte: site RFB (adaptado)

Manual eletrônico atualizável, contendo as bases para REDUÇÃO LEGAL dos Débitos Previdenciários - INSS. Aplicação Prática da Súmula Vinculante 08 do STF. Passo a passo para proceder à redução das dívidas, incluindo dívida ativa e em execução! Clique aqui para mais informações. Reduza as Dívidas Previdenciárias!

Mais informações

Possibilidades de redução lícita dos débitos previdenciários

ComprarClique para baixar uma amostra!